Nova base curricular põe o aluno no centro da atenção e estimula o desenvolvimento de habilidades socioemocionais

 

Enquanto algumas escolas ainda se adaptam às novas exigências para a Educação Infantil e Ensino Fundamental, muitas abordagens já fazem parte da rotina da ACBEU Maple Bear Canadian School, que incentiva autonomia, senso crítico, inteligência emocional e colaboração nos alunos

A revisão da Base Nacional Comum Curricular (BNCC) entrou em vigor esse ano trazendo novas exigências para a Educação Infantil e Ensino Fundamental. Com a mudança, as escolas devem implementar ações para desenvolver habilidades socioemocionais nos estudantes, como proatividade, autonomia, criatividade e senso crítico. Enquanto algumas escolas ainda estão se adaptando à novidade, o ensino dessas competências já faz parte da rotina de outras instituições, que estimulam essas capacidades diariamente por meio de atividades, projetos, brincadeiras e novas disciplinas.

Instalada há oito anos em Salvador, a ACBEU Maple Bear Canadian School busca na metodologia canadense recursos para desenvolver uma educação holística, voltada não apenas para o desenvolvimento intelectual, mas também emocional, físico e social dos mais de 650 alunos. Para isso, são trabalhadas as habilidades socioambientais com o intuito de incentivar neles o senso de responsabilidade, colaboração, iniciativa, autocontrole, organização, empatia e capacidade de interagir com respeito.

Para a diretora da unidade na capital baiana, Marcia Schwartz, essa metodologia propõe uma formação cidadã para os estudantes. “No ensino tradicional, o conteúdo era o foco principal na sala de aula. Já na metodologia canadense, o aluno está no centro da atenção. Ele passa a ser protagonista do seu saber. Desta forma, os jovens são preparados para ter voz ativa e ter um papel na construção de um mundo melhor”, explica.

Para isso, é necessário um novo olhar para a escola, desde a abordagem do ensino até a estrutura física. Para estimular a investigação e autonomia, as salas de aula são organizadas em centros de aprendizagem, distribuídos em áreas de conhecimento, que promovem a integração das disciplinas através de unidades temáticas. Desta forma, os estudantes são incentivados a construir novos conhecimentos, explorando seu universo em um ritmo próprio para cada aluno.

Eles também têm acesso a materiais manipulativos que estimulam o aprendizado e incentivam que cada criança ou adolescente siga seu próprio caminho para encontrar soluções para os problemas apresentados. Esses ambientes respeitam a individualidade, ao mesmo tempo que promovem o trabalho de equipe, incentivando a colaboração entre colegas, tirando dúvidas, trocando informações e reforçando o aprendizado.

O desenvolvimento de competências socioemocionais também faz parte do currículo da ACBEU Maple Bear, garantindo a formação integral de seus estudantes. Estas competências são fundamentais para as demandas da sociedade atual em um mundo globalizado, seja na vida pessoal, acadêmica ou profissional. “No dia a dia percebemos a importância de desenvolver a autorregulação e a inteligência emocional desde cedo, através de ações simples que possibilitam o autoconhecimento, a empatia, a colaboração, a busca do equilíbrio das emoções, a persistência e a organização. Na sala de aula da ACBEU Maple Bear, criamos espaços especiais e materiais que estimulam o relaxamento e a reflexão, para que os estudantes consigam participar das rotinas escolares com mais tranquilidade, motivação, capacidade de concentração e criatividade. Esse autoconhecimento vem trazendo resultados muito positivos, tanto na aprendizagem, como na formação de um cidadão mais consciente e preparado para o mundo contemporâneo”, pondera Marcia Schwartz.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Popups Powered By : XYZScripts.com
Close