‘Não vou entregar o cargo’, diz ministro da Educação após Bolsonaro sugerir demissão

Após o presidente Jair Bolsonaro (PSL) sugerir que pode mudar o comando do Ministério da Educação (MEC), o ministro Ricardo Vélez ressaltou que não vai pedir para sair.

“Eu pessoalmente não tenho notícia disso”, afirmou o ministro ao ser questionado sobre o assunto durante o 18º Fórum Empresarial Lide, que acontece em Campos do Jordão na manhã desta sexta-feira (5). “Pretendo participar do fórum e não vou entregar o cargo”, frisou.

Segundo informações da Folha de S. Paulo, o indicativo da saída de Vélez foi dado mais cedo, em um café da manhã com jornalistas, no Palácio do Planalto. Na ocasião, Bolsonaro disse que “está bastante claro que não está dando certo”. “Ele é bacana e honesto, mas está faltando gestão, que é coisa importantíssima”, afirmou o presidente.

O chefe do Executivo nacional garantiu que na segunda-feira (8), vai decidir: “É o dia do fico ou não fico”. *BN

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Popups Powered By : XYZScripts.com