Covid-19: MPF e MP-BA movem ação para que Caixa evite aglomerações nas agências

O Ministério Público Federal (MPF) e o Ministério Público do Estado da Bahia (MBA) moveram neste sábado (2), uma ação civil pública conjunta para que a Caixa, a União e o Estado da Bahia tomem providências para evitar aglomerações de pessoas nas filas e nas agências da instituição financeira no estado.

De acordo com o Ministério Público da Bahia, as medidas atendem às normas e orientações que visam resguardar a saúde dos cidadãos durante a pandemia da Covid-19.

Segundo informações do MP, o Estado da Bahia e a União devem apresentar plano de ação coordenada e disponibilizar apoio policial para cooperar com a organização das filas nas agências.

O órgão também informou que a ação pede, em caráter de urgência, que a Justiça Federal determine a adoção de medidas, sob pena de multa de R$30 mil por dia para todos os municípios atendidos pela Procuradoria da República na Bahia.

A Caixa informou que foi notificada da ação e avalia as medidas. O órgão também disse que tem dois dias para apresentar resposta. *G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Popups Powered By : XYZScripts.com
Close