Stock Series: Onboard revela velocidade em acidente de Muggiati

Vencedor da primeira corrida da temporada da Stock Series, o paranaense Zezinho Muggiati se envolveu no acidente que marcou a segunda prova da etapa disputada no Autódromo de Goiânia e foi obrigado a abandonar após ficar sem a porta do carro e receber o chamado dos comissários que entenderam não haver segurança para ele continuar.

O acidente aconteceu a menos de dez minutos do fim da prova e envolveu, também, os pilotos Raphinha Reis e Vitor Baptista durante uma disputa intensa em que os três ficaram lado a lado na pista.


Imagens da câmera instalada dentro do carro de Zezinho Muggiati revelam detalhes do acidente e, com o auxílio da telemetria, a velocidade em que ele estava no momento que sofreu o toque: 213 km/h.

VEJA O VÍDEO ONBOARD DO ACIDENTE

“Na hora não entendi o que aconteceu. Estava na briga por posição e vi, pelo espelho interno, que o Rapha se aproximou rapidamente. Tomei um susto no momento da batida”, revela Zezinho Muggiati, da equipe W2ProGP, com apoio da Philco, Grupo Potencial, Admicon, Ideris, Baltoro Lounge e The Basement.

Outro detalhe revelado pela câmera onboard foi a habilidade de Muggiati em segurar o carro em um ponto da pista com bumps e após um toque lateral a mais de 200km/h.

“O pensamento sempre é seguir acelerando. Lembro que o carro saiu um pouco da pista, mas consegui corrigir a rota e seguir. Percebi que estava sem a porta, mas não estava afetando em nada. Infelizmente, fui chamado para box e precisei abandonar”, conta o piloto que saiu de Goiânia com a vice-liderança do campeonato.

A próxima etapa da Stock Series será disputada nos dias 9 e 10 de abril em um circuito montado no Aeroporto do Galeão, no Rio de Janeiro. Será a primeira vez que uma prova nacional acontecerá em uma pista destinada aos aviões. *JR Assessoria

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close