Jornalista é assassinada na frente da filha de 10 anos em Porto Seguro

Uma jornalista de 41 anos foi morta na frente da filha de 10 anos, na noite de sexta-feira (31), véspera de Ano Novo, em Porto Seguro. O autor do feminicídio é o marido da vítima. Ele foi preso e confessou o crime.

De acordo com o Na Mídia News, durante uma discussão do casal, o homem pegou uma arma de fogo e disparou três vezes na cabeça da esposa. O caso aconteceu em um condomínio na Rua Sophia Loren, em Taperapuã.

Os dois se conheciam há dois anos e eram casados desde setembro de 2020. O homem, que é praticante de tiro esportivo, disse à polícia que atirou na vítima após um desentendimento.

Ainda segundo o Na Mídia News, no momento do crime, estavam na residência a filha da vítima de 10 anos, uma irmã, a babá e uma prima.

Uma guarnição do 8º Batalhão da Polícia Militar e uma equipe da Polícia Civil estiveram no local para atender a ocorrência. O autor do crime teria sido encontrado ensanguentado em uma rua próxima ao condomínio onde ocorreu o feminicídio. (Bnews)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close