STF abre processo preliminar para apurar pagamento de caixa dois a Onyx Lorenzoni

O ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), determinou a abertura de processo para investigar o pagamento de caixa dois do grupo J&F, que detém a JBS, para o futuro ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni. Segundo informações do jornal O Globo, a decisão foi tomada a pedido da procuradora-geral da República, Raquel Dodge.

A determinação não representa ainda a abertura de inquérito contra Onyx, mas sim um processo preliminar. Delatores relataram dois repasses de R$ 100 mil, sendo um em 2014, que o futuro ministro já admitiu, e outro em 2012, que ele nega ter recebido. Ao jornal O Globo, Onyx disse que o processo é uma “benção”. “Não tenho nenhum problema com isso. Ao contrário, é a chance resolver”, afirmou. *BN

Foto: Agência Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *