Samuel inicia temporada com pé direito, projeta ano “muito bom” e diz: “Confiança é tudo”

 

Samuel iniciou a atual temporada da mesma forma como terminou a anterior: balançando as redes. O atacante marcou o primeiro dos três gols que o Vitória anotou para cima do Unirb, na estreia do Campeonato Baiano, em partida disputada na noite da última quarta-feira, que terminou empatada em 3 a 3.

Foi dele também o gol que fechou a temporada de 2020 para o Vitória, há 20 dias. Na ocasião, ele saiu do banco de reservas para garantir o triunfo rubro-negro por 1 a 0 sobre o Brasil de Pelotas, na última rodada da Série B

Naquela partida, com a equipe recheada de garotos, o Vitória ensaiava o que tinha em mente para o ano de 2021: um elenco formado, em grande parte, por atletas das divisões de base. E Samuel aproveitou a chance que teve para largar na frente na briga pela vaga de centroavante do técnico Rodrigo Chagas.

Ao ge, o atacante destacou que os dois gols marcados servem para dar confiança para o restante da temporada.

– Para mim, é muito importante ter fechado a temporada passada fazendo gol e iniciar essa temporada marcando também. É muito importante e me dá confiança para os próximos jogos. Jogar com confiança é tudo – afirmou.

Acho que esse ano pode ser muito bom para mim e para o time. Espero poder ajudar fazendo os gols.

Samuel comemora gol contra o Unirb — Foto: Victor Ferreira/ECV

Samuel comemora gol contra o Unirb — Foto: Victor Ferreira/ECV

Para quem ainda não conhece, Samuel tem 20 anos, é natural de Duque de Caxias, no Rio de Janeiro, e é formado na base rubro-negra. Na temporada passada, ele atuou em cinco jogos na Série B e outros 17 por competições de base, nas quais marcou nove gols, sete deles no Campeonato Brasileiro sub-20.

Com os dois gols pelo profissional, ele já fez mais do que o atacante Junior Viçosa, que deixou o Vitória sem anotar um gol sequer. E provavelmente estaria na frente de Jordy Caicedo, que disputou 24 jogos em 2020 e marcou apenas três gols – o equatoriano conseguiu a rescisão de contrato com o Rubro-Negro e assinou com o CSKA Sofia, da Bulgária.

Desafio mesmo será ocupar o vazio deixado pela saída de Léo Ceará, que, ao fim do seu contrato com o Vitória foi para o futebol japonês. Depois de viver anos turbulentos na Toca, o atacante finalmente deu a volta por cima e encerrou a temporada como destaque máximo da equipe, com 17 gols marcados, 13 deles pela Série B.

Para Samuel, a missão de substituir Léo Ceará será um desafio positivo em sua carreira.

– Substituir o Léo vai ser um desafio bom, importante. Léo é um excelente jogador, que dispensa comentários. Vou dar meu máximo para conseguir suprir – afirmou.

Samuel estaria em campo neste sábado, mas a partida contra o Vitória da Conquista foi adiada por causa de um surto de Covid-19 no elenco do Bode. Na 3ª rodada do Campeonato Baiano, marcada para a próxima quarta-feira, o Vitória encara o Atlético de Alagoinhas, no estádio Carneirão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Popups Powered By : XYZScripts.com
Close