Portador de Insuficiência Renal com Covid 19 poderá realizar hemodiálise na Santa Casa de Valença

 

por Vitor Andrade

Pacientes diagnosticados com insuficiência renal internados na UTI da Santa Casa de Valença e que tiverem também confirmação ou suspeita de COVID-19 vão poder realizar  hemodiálise na unidade. A ação é  inédita e marca um novo momento na Santa Casa, que passa a contar pela primeira vez na sua história, com a oferta do serviço. Para realizar o procedimento,  duas máquinas estão em funcionamento nas dependências da Santa Casa de Valença.

 

A primeira hemodiálise já foi realizada em um paciente de 47 anos, portador de Insuficiência Renal Crônica e que testou positivo para COVID-19. Marcelo Cabral é provedor da unidade e conta que a ação garante mais conforto para os pacientes: “Antes era necessário transferir os pacientes com necessidade de diálise para fazer o tratamento na Clínica de Hemodiálise de Valença. Com essas duas máquinas vamos conseguir dar mais estabilidade para essas pessoas e maior conforto nos seus tratamentos”. O serviço vai continuar à disposição da UTI geral mesmo após o fim da pandemia.

 

Ricardo Fonseca, diretor médico da Santa Casa de Valença, destaca a importância histórica da ação: “É a primeira vez que a Santa Casa de Valença realiza hemodiálise. Em um contexto de pacientes que já precisavam do tratamento e tinham que deixar o hospital para fazer a hemodiálise na clínica, torna ainda mais relevante essa ação da Santa Casa, que está atenta às necessidades dos pacientes e da população do Baixo Sul. É muito comum em pacientes com COVID, quando agrava o quadro respiratório, também evoluir para insuficiência renal. É habitual nos casos graves a disfunção renal. Por isso a gente lutou, correu atrás para disponibilizar a diálise”, explica o médico.

Foto: reprodução

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Popups Powered By : XYZScripts.com
Close