Polícia prende em Gandu família suspeita de envolvimento com o tráfico de drogas e receptação

Na manhã do dia 11/07/2019 (quinta-feira), a Polícia Civil (5ª COORPIN) e Polícia Militar (60ª CIPM), deflagrou em Gandu (300km de Salvador) a Operação Locação Pirata com o cumprimento de mandado de busca e apreensão expedido pela Vara Crime local, a fim de buscar produtos de origem criminosa na residência onde Marcelo Araujo da Silva reside com sua esposa Carla Marambaia de Souza, o filho maior de idade Rhuan Marambaia Araujo e duas crianças. No local foi apreendido drogas do tipo maconha, cocaína e crack acondicionadas para venda, bem como balança de precisão, dinheiro em espécie, 67 celulares, 05 pássaros silvestres, 33 documentos de veículos, 18 relógios de pulso, 01 simulacro de arma de fogo, diversos eletrônicos e perfumes, folhas de cheque e outros objetos. Em frente à residência foram apreendidos 07 veículos e 04 motocicletas que estavam na posse da família. Um dos veículos é roubado e está com sinais de adulteração, sendo identificado como um veículo oficial de propriedade da Prefeitura Municipal de Jiquiriça, os demais ainda estão sendo vistoriados pelos policiais.

Na ocasião, foram presos em flagrante Marcelo Araujo da Silva (41 anos), sua esposa Carla Marambaia de Souza (38 anos) e o filho maior do casal Rhuan Marambaia Araujo (18 anos). Marcelo, conhecido pela alcunha “Marcelo da Locadora”, vinha sendo investigado pela Delegacia de Gandu desde o ano passado, quando a Polícia Militar prendeu Jean Santana Barboza “Guio”, por estar na posse de um veículo roubado e adulterado que lhe teria sido vendido por Marcelo.

A operação contou com o reforço de policiais civis da Delegacia de Valença (5ª COORPIN), policiais da Polícia Rodoviária Federal e policiais militares da 33ª CIPM, esta última que trouxe cães treinados que auxiliaram na localização das drogas.

A operação foi concluída com a lavratura de Auto de Prisão em Flagrante na Delegacia de Gandu pelos crimes de tráfico de drogas, associação para o tráfico, receptação qualificada e crime ambiental, ficando a família presa à disposição da justiça.

Fonte: Delegacia Territorial de Gandu e 60ª Companhia Independente de Polícia Militar em Gandu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Popups Powered By : XYZScripts.com