Motorista suspeito de prender perna de passageira em ônibus é demitido

O motorista de ônibus suspeito de prender intencionalmente a perna de uma passageira na porta do coletivo em Salvador foi demitido por justa causa pela empresa onde trabalhava. Ele estava afastado do cargo desde denúncias sobre o caso.

De acordo com o G1, o motorista prestou depoimento na 14º Delegacia, na tarde desta sexta-feira (26) e manteve a versão de que foi a mulher quem chutou a porta e acabou com a perna presa. Ele ainda disse que não abriu a porta quando a passageira reclamou que estava presa por medo que ela caísse. A mulher gravou um vídeo do momento em que estava com a perna na porta do ônibus.

A Polícia Civil que um laudo do exame de corpo de delito foi feito pela passageira e está a espera do laudo para concluir o caso. Caso fique comprovado que ele teve a intenção de prender a perna da passageira, ele poderá ser indiciado por lesão corporal dolosa, quando há intenção de machucar.

Versão da passageira

Já a mulher contou que estava no ônibus e ao ver o sinal vermelho perguntou se o motorista poderia deixar que ela descesse antes da parada oficial. Ela relatou que o rodoviário teria deixado e, quando foi tentar sair, ele fechou a porta.

“Na hora que eu coloquei a perna, ele já foi fechando e não deu tempo de eu puxar a perna. Aí quando ele fechou, eu comecei a puxar a perna e o pessoal que estava no ônibus começou a gritar, dizendo para ele que minha perna estava presa”, explicou a vendedora, de acordo com o G1.

Foto: Reprodução

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *