Juíza nega visita de Dilma e senadores a ex-presidente Lula




A ex-presidente Dilma Rousseff, a senadora Gleisi Hoffmann e o senador Lindbergh Farias foram impedidos de ver o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) pela execução penal de uma sentença da 12ª Vara Federal de Curitiba, nesta segunda-feira (22).

De acordo com o UOL, a juíza Carolina Lebbos ressalta que, em duas semanas, chegaram “requerimentos de visitas que abrangem mais de uma dezena de pessoas, com anuência da defesa, sob o argumento de amizade com o custodiado”. Entre os pedidos, havia solicitações da ex-presidente Dilma. De acordo com a juíza, não há ilegalidade na decisão.”Analisa-se, no caso em exame, limitação de cunho geral relativa a visitas na carceragem da Superintendência”.

Em entrevista coletiva, Dilma comparou a prisão de Lula com a sua na época da Ditadura no Brasil. “Eu tenho experiência em ser presa e, mesmo na época da Ditadura, tínhamos a possibilidade de receber parentes e amigos. Esse bloqueio é muito estranho”, declarou.

Os senadores também utilizaram as redes sociais para se manifestarem.

Atualiza Bahia

Foto: Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *