Governo vai enviar sua versão, mas Maia diz a aliados que ‘já tem sua proposta tributária’

Embora o governo federal planeje enviar uma proposta de reforma tributária ao Congresso Nacional, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), já avisou que vai pautar a versão trabalhada na última legislatura. Costurada pelo economista Bernardo Appy, o texto foi relatado pelo ex-deputado Luiz Hauly.

Segundo informações do Blog da Andréia Sadi, no G1, Maia discutiu o assunto com aliados nessa terça-feira (2), depois de se reunir com o economista para ouvir suas ideias.

Nesse meio tempo, integrantes da equipe econômica do governo disseram ao jornal O Globo que o Palácio do Planalto vai enviar uma proposta de reforma tributária em maio. O secretário da Receita, Marcos Cintra, será o responsável pela elaboração.

Então, nesta quarta (3), Maia disse a interlocutores que o governo será ouvido, mas que a Câmara “já tem sua proposta tributária”, que é a de Appy e Hauly.

De acordo com a publicação, o presidente da Casa lembrou a aliados que Cintra usou as redes sociais para criticar parlamentares. “Já que os deputados acham que seus pedidos não estão sendo atendidos e não se mostram dispostos a apoiar a Nova Previdência, que a sociedade se articule para cobrar de seus representantes as razões que justificam eles sacrificarem o país e fazerem o povo pagar a conta”, compartilhou o secretário em meio ao conflito público travado entre Maia e o presidente Jair Bolsonaro (PSL). *BN

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Popups Powered By : XYZScripts.com