Globais pedem justiça após morte de Marielle Franco no Rio de Janeiro




Após a morte a tiros da vereadora Marielle Franco (PSOL) dentro de um carro no Rio de Janeiro, atores e apresentadores da Rede Globo pediram justiça nas redes sociais.

Luciano Huck, por exemplo, escreveu: “O mínimo que esperamos das autoridades do Estado é que os assassinos e seus mandantes sejam rapidamente identificados e punidos. Uma parlamentar, no pleno exercício do seu mandato, independentemente da sua ideologia, é uma representante do povo”.

A atriz Alice Wegmann fez uma reflexão. “Falamos por mensagem esses dias, sobre o seu artigo no Le Monde. ‘Espero que goste’, você disse, ‘O novo sempre vem!!!’. E eu respondi que a admiração do lado de cá era grande. E disse pra seguirmos juntas, fortes. Mas queria ter dito olhando nos seus olhos, também. Você ainda tinha tanto pra consertar por aqui. Obrigada pela sua força. Obrigada pela sua luta pela paz, contra a corrupção, a favor de um mundo mais igualitário e justo. Hoje li a seguinte frase de Valter Hugo, mãe: ‘Aquilo que há de mais valioso deve ser um direito de toda a gente e distribuído por graça e segundo a necessidade’. Acho que era nisso que você acreditava. E é por isso que, mesmo devastados com tamanha brutalidade, vamos seguir lutando aqui. Que esse assassinato seja investigado incansavelmente, com toda seriedade”, postou.

Tatá Werneck foi mais sucinta: “Quiseram te calar. Mas sua voz vai ecoar ainda mais”. A informação é do Bahia Notícias.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *