Filósofa Lúcia Helena Galvão explica o poder das férias para a mente humana

A palestrante, professora de filosofia, escritora, roteirista e poetisa comenta os efeitos positivos que uma boa viagem pode causar

A saúde mental é importante, especialmente em momentos sociais em que a pressão e a preocupação são constantes. Em períodos como esses, é preciso considerar aproveitar o tempo disponível com atividades que façam a mente relaxar e proporcionem descanso.

Segundo pesquisa de 2013 da Associação Americana de Psicologia, as férias são benéficas para controlar o estresse e as emoções negativas. Já estudo realizado pela Cornell University, em  2014, identificou que a antecipação de uma viagem gera novos níveis de felicidade, maiores até do que a antecipação da posse de um bem material.

Em primeiro lugar, é preciso entender o valor das viagens. Muitas pessoas deixam de planejar férias, pensando no dinheiro gasto, no quanto poderia poupar ou até mesmo comprar bens materiais. É claro que economizar e ter uma reserva monetária é algo importante, mas também é preciso pensar no acúmulo de boas experiências.

A  palestrante, professora de filosofia, escritora, roteirista e poetisa, Lúcia Helena Galvão, selecionou alguns pontos fundamentais que ajudam a entender os efeitos positivos que as boas viagens causam na mente humana:

 

Redução do estresse

A rotina pesada do dia a dia contribui para o aumento do estresse e para a exposição a situações conturbadas, seja no ambiente doméstico ou corporativo. Em um ano como este, então, as situações que aumentaram ou até mesmo desencadearam episódios estressantes foram elevadas.

Neste novo universo, o mundo das viagens, entra como um aliviador do estresse de tanto tempo em quarentena e pode ser visto como uma alternativa para um descanso e recuperação de energias.

Viajar pode melhorar a saúde cerebral, uma vez que pode ser uma experiência muito agregadora para aqueles que gostam de descobrir outras terras, cenários e culturas. Cientificamente falando, as estruturas cognitivas se beneficiam ao reativar os chamados “circuitos de recompensa”. Ou seja, quando uma rotina é rompida, todos os gatilhos de estresse e ansiedade perdem força, liberando e abrindo espaço da mente para o despertar das emoções. Por isso, viajar pode ser um refúgio dos “universos ordinários”.

“Sempre digo – em meu curso de administração do tempo – que o verdadeiro descanso não é apenas não fazer nada, o tão admirado “dolce far niente” que, em geral, não é tão doce quanto promete. Quando paramos nosso corpo, não conseguimos fazer o mesmo com nossa mente, que prossegue gravitando em torno da mesma atividade anterior. E nada há de tão cansativo do que uma mente com pensamentos circulares em torno de problemas. Costumo brincar dizendo que carregar pedras deve ser menos desgastante do que um dia inteiro com a mente nos arrastando nestes terríveis redemoinhos”, explica Lúcia Helena Galvão.

Unindo o descanso da mente e do corpo

Segundo a professora de filosofia, o descanso vem, portanto, muito mais da variação de atividades, ainda mais quando levamos, para esta nova atividade, corpo e mente juntos. “Logo, se alguém ama viajar, isso pode mesmo ser bastante interessante, se sua atenção mental e emocional acompanha as mudanças de paisagens, de climas, de costumes e toma um novo foco”, reforça.

Alguns estudos apontam que o ato de viajar pode trazer benefícios físicos para a mente e para o corpo. Confira a lista abaixo:

Aumento das conexões neurais

Desde voar de avião pela primeira vez, até viajar sozinho. Todas essas experiências agregam coisas novas e geram significativa  quantidade de novas conexões neurais. Além disso, experiências de fuga da rotina aumentam os níveis de serotonina e dopamina (neurotransmissores que transmitem dados entre os neurônios, levando informações de um lado para o outro) e aumentam a circulação do sangue, oxigenando o cérebro.

Aumento dos processos cognitivos

Toda nova experiência faz com que os recursos cerebrais sejam mais utilizados, afinal, especialmente quando não conhecemos aquela região, olhamos mapas, pedimos informações e utilizamos toda a inteligência espacial que aprendemos e desenvolvemos ao longo da vida.

Inclusive por estarmos em um lugar diferente, viajar também nos faz redobrar a nossa atenção e nos deixa mais motivados. Todos esses processos ajudam na configuração memorial e fazem com que o ser humano retenha informações de maneira mais fácil e significativa.

Criatividade

Seja uma viagem para um destino inédito ou para um roteiro já conhecido, visitar um lugar diferente exercita o cérebro. Olhar para paisagens, conhecer a cultura e a culinária local e os caminhos que fazem daquela cidade ser única. Todos esses fatores contribuem para reativar o cérebro.

Caminhar, conhecer pessoas e visitar lugares contribuem para a inspiração. Afinal, é saindo da rotina que nos deparamos com novos conceitos e unidades, criamos ideias diferentes e aprendemos coisas novas todos os dias.

Melhora do humor

Mudar de ambiente, de cidade, estado, país e até mesmo de continente. Viajar proporciona experiências singulares que são processadas pelo nosso cérebro, transformadas em lembranças e causam uma sensação de felicidade.

Então, recapitulando, viajar é benéfico, pois:

  • Reduz os níveis de estresse do dia a dia;
  • Ajuda na reinvenção do ser humano;
  • Aumenta os níveis de felicidade e satisfação;
  • Aumenta a resiliência da mente;
  • Impulsiona a criatividade por meio do estímulo das sinapses que têm o potencial de revitalizar a mente.

“Há muito que se ver, pelo mundo afora, de alta beleza e valor cultural, e nosso envolvimento com este cenário inusitado tem mesmo o poder de quebrar um ciclo e reabastecer-nos do frescor e vivacidade de “primeira vez”, de descoberta, de encanto. Portanto, para quem sonha com uma bela viagem, desejo que desfrute bem, e que não se esqueça de ir inteiro, sem deixar nenhum pedaço de sua atenção e energia para trás!”, concluiu.

Com a opinião da especialista, fica fácil de entender os benefícios que uma boa viagem pode trazer para o corpo e para a mente humana, não é mesmo?
Aproveite o final de ano para desligar, respirar profundamente e abrir a mente para esperar o próximo ano! Encontre passagens aéreas baratas e aproveite para relaxar, descansar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Popups Powered By : XYZScripts.com
Close