Estudo aponta quase 300 milhões de pessoas infectadas por hepatite B no mundo




Um estudo apontou que aproximadamente 300 milhões de pessoas estavam infectadas pelo vírus da hepatite B em todo o mundo em 2016. A pesquisa divulgada na segunda-feira (26) é desenvolvida por pesquisadores do Observatório Polaris da Fundação Centro para Análise de Doenças, nos EUA.

Apesar do resultado, o estudo registrou que 90% ainda não tinham sido diagnosticadas e só 5% das que deveriam estar sob tratamento o recebiam. O estudo ainda mostrou que apenas 1% das mulheres grávidas infectadas estavam em tratamento para evitar transmissão para o bebê.

Segundo o Jornal O Globo, no Brasil, há uma prevalência estimada em 0,4% da doença em 2016, o que equivale a 760 mil casos. Deste total, 28% foram diagnosticados.

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *