Após assalto, homens são presos e caminhão-tanque com 30 mil litros de combustível é recuperado em rodovia na Bahia

Três homens foram presos e um caminhão-tanque, além de 30 mil litros de combustível foram recuperados, na quinta-feira (18), no interior da Bahia. As prisões foram realizadas por agentes da Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos de Cargas em Rodovias (Decarga), de Feira de Santana.

O caminhão foi roubado na BR-324, na região da cidade de Conceição do Jacuípe, a cerca de 100 km de Salvador, e recuperado pelo dono do veículo, em Teodoro Sampaio, distante 35 km de Conceição do Jacuípe. O caminhão tem rastreador,mas foi achado já sem os 30 mil litros do combustível, avaliados em R$ 94 mil.

A ação dos assaltantes foi descoberta através de investigação da Decarga, após o proprietário do veículo informar que o caminhão dele poderia ter sido alvo de assalto na rodovia, já que o sinal de rastreamento do veículo apontava para trajeto diferente do destino final da carga. O homem relatou também que tentou contato com o motorista, mas ao não ser atendido, surgiu a suspeita de assalto.

Por meio do rastreador, o homem encontrou o caminhão abandonado em Teodoro Sampaio, já sem o combustível e o levou para a sede da Decarga em Feira de Santana.

Polícia esteve no galpão no período da noite e recolheu combustível roubado na Bahia — Foto: Divulgação/Decarga Feira de Santana

Polícia esteve no galpão no período da noite e recolheu combustível roubado na Bahia — Foto: Divulgação/Decarga Feira de Santana

Já com relação aos presos, o delegado da Decarga, Gustavo Coutinho, explica que os policiais civis iniciaram as buscas e encontraram três homens em um galpão, em Conceição do Jacuípe, na Vila Bessa, ao lado da BR-324. No loca, o combustível foi achado e recuperado pela polícia.

“Lá estavam o proprietário do galpão e dois filhos dele. Ele disse que essa carga [combustível] foi trazida por um homem de Recife e que ele não sabia que era roubada. O homem [suspeito] entregou a carga que foi roubada ali na região de Conceição do Jacuípe”, explica do delegado do Decarga, Gustavo Coutinho.

Na ação, além dos policiais civis, agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) também estiveram no galpão e acompanharam o caso.

Em continuidade às diligências, os policiais civis conseguiram chegar ao homem apontado como responsável pela venda do combustível roubado.

“A gente se passou pelo proprietário do galpão dizendo que tinha um dinheiro para dar a ele [suspeito de roubar a carga] e marcamos no posto Laçador, que fica na BR-324. Ele foi até lá e os policiais civis efetuaram a prisão dele”, explica o delegado.

Sobre o motorista do caminhão, a polícia contou que ele foi abordado pelos suspeitos quando deixava uma lanchonete, às margens da BR-324. De acordo com o motorista, cinco homens estavam no local. Dois colocaram ele em um carro de passeio, dois seguiram em um caminhão e o terceiro foi em outro carro, seguindo o caminhão.

“Ele disse que ficou cerca de 3h horas sob o poder dos criminosos e foi liberado na localidade chamada de Quatro Estradas, perto de Amélia Rodrigues”, contou o delegado.

A Decarga ainda vai fazer mais algumas oitivas nesta sexta-feira (19) e segue com as investigações sobre o caso. *G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close