Bahia divulga programação com volta gradativa aos treinos


Após período de férias para jogadores, o Bahia informou que planeja um retorno gradativo aos trabalhos. Em comunicado divulgado pelo clube na manhã deste sábado, a partir da próxima segunda-feira, os atletas vão iniciar um programa de controle de atividades à distância, em casa, sob orientação de especialistas. No segundo momento, ainda sem data definida, começarão os treinamentos presenciais no Centro de Treinamento Evaristo de Macedo.

Bahia disse que ainda não tem data para retorno aos treinos presenciais no CT Evaristo de Macedo — Foto: Thiago PereiraBahia disse que ainda não tem data para retorno aos treinos presenciais no CT Evaristo de Macedo — Foto: Thiago Pereira

Bahia disse que ainda não tem data para retorno aos treinos presenciais no CT Evaristo de Macedo — Foto: Thiago Pereira

Os jogadores tiveram 20 dias de férias, que foram ampliados para 30 dias por conta da pandemia do coronavírus. O Bahia afirma que tomou a decisão pelo retorno com base em consulta a autoridades sanitárias e aos médicos do clube e que, neste período de trabalhos, tanto o elenco quanto a comissão técnica serão submetidos a testes para Covid-19.

Também foi definida uma terceira fase quando, segundo o Bahia, somente depois de autorização dos órgãos competentes e do departamento médico, vai passar a promover trabalhos reunindo o grupo completo.

O Bahia informou que a decisão foi tomada após a CBF autorizar, na última terça-feira, o retorno do futebol brasileiro aos treinos, aproveitando o fim das férias coletivas dos atletas, a critério de cada equipe.

Baianão indefinido

O governo da Bahia prorrogou a medida que proíbe a realização de jogos de futebol no estado. A partir de agora, qualquer evento que reúna mais de 50 pessoas, incluindo as partidas, estão suspensas até o dia 18 de maio.

A Federação Bahiana de Futebol (FBF) descarta retorno do Campeonato Baiano em 17 de maio, data cogitada em reunião da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) com as federações estaduais. Em entrevista ao GloboEsporte.com, o presidente da entidade, Ricardo Lima, disse que ainda é cedo para definir a volta do estadual.

Contenção de despesas durante a paralisação

O Bahia adotou algumas medidas para conter as despesas durante a paralisação do futebol. Além da interrupção do projeto do time de transição, houve redução de 25% dos salários de jogadores, comissão técnica e diretoria.

Confira a nota completa divulgada pelo Bahia neste sábado:

A nossa decisão, com base em consulta a autoridades sanitárias e aos médicos do Bahia, é por um planejamento dividido em três fases. Na primeira, a partir de segunda (4), os jogadores iniciarão um programa de controle de atividades à distância, em casa, sob orientação de especialistas.

Neste período, tanto o elenco quanto a comissão técnica serão submetidos a testes para COVID-19.

No segundo momento, ainda sem data definida, começarão os treinamentos presenciais no CT Evaristo de Macedo, mais voltados para a parte física e respeitando o distanciamento entre os profissionais.

No terceiro, somente depois de autorização dos órgãos competentes e do nosso departamento médico, o clube passará a promover trabalhos reunindo o grupo completo na Cidade Tricolor.

*GE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Popups Powered By : XYZScripts.com
Close